Quarta-feira, 1 de Dezembro de 2004

SIDA: Mais Forte Que Tudo!!!

SIDA.JPG

Hoje, dia 1 de Dezembro, celebra-se o Dia Mundial de Luta contra a VIH/SIDA.



O VIH/SIDA é uma das doenças mais faladas por todo este Mundo. É de certeza absoluta, a mais mortífera arma de destruição maciça existente ao cimo da Terra.



Mas porque é que se comemora este dia?



É assim algo de tão importante?



Este dia comemora-se, porque esta doença, é de longe, aquela que mais mortos tem feito ao longo dos tempos. Outrora houve a “Peste Negra”, nos dias que correm existe a SIDA.



Mas será que as pessoas sabem, como é que a SIDA se propaga?



Será que existe pouca informação acerca deste Tema?



Muito se tem especulado sobre a SIDA. Muitas soluções foram propostas para a não propagação desta doença, o que é certo é que os números contrariam os objectivos que pretendem atingir. É certo que este aumento, se tem verificado mais nos povos Africanos que são 50 % das pessoas infectadas com o VIH, a nível Mundial, embora estes deveriam ter mais apoios financeiros, para o abrupto rompimento destas tendências.



Aqui em Portugal, também se tem verificado o aumento desta doença, principalmente nas classes de meia idade. Os jovens já começam a estar mais sensibilizados para com esta doença. Existe muita informação, por vezes, basta só olhar para o outro lado da rua e lá está um cartaz a dizer quais as formas de contrair o Vírus do VIH:



“ O VIH transmite-se unicamente de 3 maneiras:
1. Através de relações sexuais não protegidas com um parceiro infectado
2. Através de contacto directo com o sangue de uma pessoa infectada
3. De mãe para filho”



As pessoas não se julgam pela aparência física e não é possível saber, se uma pessoa é ou não, seropositiva. De facto, quando pensamos em doenças, pensamos em alguém frágil, cansado, magro. O VIH não funciona assim. A maioria das pessoas infectadas não apresenta, durante muitos anos, qualquer sinal externo, porque o VIH pode permanecer “silencioso” no organismo por muito tempo. No entanto, durante esse tempo, a pessoa pode transmitir o vírus a outros.



Por isso: Não é possível “adivinhar” se uma pessoa é portadora do VIH através do seu aspecto físico. O único meio que permite saber é a realização do teste do VIH.



É por isso é que me questiono e fico indignado (espero que vocês também o fiquem…):



Mas se todos os indivíduos sabem da existência deste vírus, se todos os indivíduos sabem quais os modos de transmissão deste vírus, porque é que continuam a realizar comportamentos de risco?



Será por comodidade? E por isso não utilizam preservativo nas relações sexuais?



Será por pensarem que as desgraças só acontecem aos outros?



Ou será por estupidez? E preferirem “lixar” a vida deles, a gastar 1€, ou a irem a um Centro de Saúde, ou a um Instituto da Juventude arranjar um simples preservativo?



Portugal sempre foi um País de desenrascados, mas na SIDA, não há nenhuma forma de remediar o mal já feito.



A SIDA há muito que ultrapassou as barreiras que envolvia os homossexuais e os drogados (como era muitas vezes conotada). Agora é uma doença que pode ser de qualquer pessoa. Já não há grupos de risco. O que há é comportamentos de risco, que devem ser evitados, ou conscientemente assumidos com o máximo de precaução.



Compete a cada um de Nós, assumir a sua quota parte na responsabilidade de combater a SIDA, tomando as precauções necessárias à sua contenção. O ideal seria tomar as precauções suficientes para não contrair a doença, que são várias e de vários tipos.



Por isso, a palavra-chave é mesmo “prevenção”.

publicado por Pica às 23:08
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Exp

. Fora com os D'ZRT

. Desabafos de Um Dia Exaus...

. Ao meu Paulão!!!

. Um Outro Portugal...

. Ha Bom!!! Afinal Faz Bem....

. Ao Fiel Amigo Barbeiro...

. Um Momento Poético

. Fogo!!! o mesmo Problema ...

. Dia Mundial de Luta Contr...

.arquivos

. Dezembro 2007

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds